A Tal da Criatividade…Como Despertar ela Dentro de Nós?

Frequentemente vejo muitas pessoas querendo iniciar nesse mundo da criatividade mas sem saber por onde começar! A tal da criatividade…como despertar ela dentro de nós?

Para muitos parece uma coisa quase impossível, para outros apenas difícil, mas na real? A criatividade só é despertada quando começamos a praticar e a inserir ela no nosso dia a dia!

Você não precisa ter um dom, muito menos um talento, afinal talento a gente conquista! Você precisa ter disposição e uma vontade muito grande de querer aprender viver criativamente!

Comece aprendendo uma nova técnica. Pense em algo que você sempre quis fazer. Aqui vale tudo, desenhar, pintar, cantar, tocar, dançar, escrever…Eu comecei a despertar a minha criatividade com a pintura. Comecei quando ainda tinha por volta de 13, 14 anos, nem me recordo bem a idade exata. Passei por duas professoras de pintura. E lembro que sempre “inventava moda” na hora de pintar uma nova tela. Queria criar a minha pintura, e não copiar alguma coisa que já existia. Eu colocava a minha professora louca com as minhas idéias mirabolantes e fazia acontecer! Eu era a única da turma que pintava coisas mais modernas. Enquanto estavam pintando paisagens, eu estava cortando a tela para deixá-la esburacada e costurando-a com lã! Era muito divertido!

Junto com a pintura, eu também dançava. Comecei também bem nova dançando jazz, logo me inseri no balé e dancei por 8 anos. Parei para estudar, e agora estou de volta no balé clássico, há 3 anos já. Dancei inclusive na fase de gravidez do meu segundo filho. Fiz aulas até o sétimo mês de gravidez. Dei uma pausa, e retornei com dois meses após o parto.

Além da pintura e do balé, como já contei por aqui, já tricotei, já costurei, cursei moda na faculdade, e cá estou eu no patchwork!

Quando você for escolher a atividade criativa que você quer desenvolver, não pense na dificuldade, foque na sua vontade de querer aprender! Tudo nesse mundo pode ser aprendido, e cada dificuldade pode ser vencida! As dificuldades vão existir, mas o mais gostoso é superá-las e ir dominando a técnica cada dia mais!

Não se limite apenas a atividades criativas, comece a introduzir a criatividade na sua vida. Quer um enfeite novo pra sua casa? Porque não, você mesmo colocar a mão na massa e fazer alguma coisa diferente? Tem algum móvel que já está velhinho? Arregace as mangas e coloque a mão na massa para restaurá-lo! Tem roupas velhas? Reforme-as ou transforme-as em outras coisas úteis! Tenha um jardim e aprenda a cuidar das suas plantas! Para cada coisa que quiser aproveitar e fazer com as próprias mãos, você vai se pegar pesquisando técnicas diferentes e vai acabar experimentando tudo que você achar interessante e com isso vai aprender muita coisa nova!

Outro hábito que devemos despertar para trabalhar a criatividade é o hábito de observar a natureza, suas cores e suas formas! A natureza é incrível, e quando aguçamos essa percepção começamos a enxergar coisas que apenas criativos enxergam! Cores e tons incríveis, formas inspiradoras, e as ideias começam a borbulhar na cabeça, chega a dar um frio na barriga!

 

Eu tenho esse hábito, e às vezes pareço doida, fotografando as árvores, flores, bichos, paisagens! Tudo que eu vejo que me inspira eu fotografo! Nessa época de primavera então eu não saio de casa sem minha máquina! A cada esquina vejo uma planta, uma flor que tira meu fôlego!

Você vai perceber que quando começar a trabalhar e a incorporar a criatividade na sua vida, a cada dia vai ficando mais fácil e mais fluido pensar criativamente. A criatividade é como tudo na vida, precisamos praticar para despertar ela dentro de nós, e aos pouquinhos ela vai crescendo, crescendo, crescendo, até chegar o dia em que você não vai conseguir mais viver sem ela, porque ela já vai ser parte do seu eu!