Tecidos Usados no Patchwork

Uma das perguntas que as pessoas me fazem muito é o tipo de tecido utilizado para fazer o patchwork. Os tecidos usados são os 100% algodão, como tricoline, percal e linho. Esses três são os mais utilizados. Eu, utilizo muito o tricoline e quando necessário, o percal para trabalhos maiores.

Mas porque utilizar tecidos 100% algodão? Eles são utilizados porque têm uma boa consistência, são firmes, parecem papel quando cortados. Como o patchwork é uma técnica que consiste em unir formas geométricas para dar origem a um desenho, muitos quadrados, retângulos, diamantes, são cortados, e muitas vezes de tamanho bem pequeno. Se o tecido for muito maleável, como uma malha, seda, por exemplo, fica muito difícil unir as formas geométricas com precisão, outro pré-requisito do patchwork. Tudo tem que ser feito com muita precisão, principalmente o corte e a costura.

O tecido 100% algodão, quando cortado, fica parecendo um papel, bem consistente. É bem fácil costurar com precisão e o trabalho sai perfeito.

Tricolines Estampados

Outra questão importante é que encontramos milhões de estampas diferenciadas no tricoline 100% algodão. Como o mercado de patchwork cresceu, vários designers investiram no negócio de criar tricoline 100% algodão estampados, com estampas incríveis. Então a variedade é bem grande e quem faz patchwork e costura criativa agradece.

 

A variedade de tricoline liso e colorido também é grande, outro fator importante! É um tecido que encontramos várias tonalidades de cores, e isso facilita um tanto na hora de fazer a composição de cores e estampas de um projeto.

Toque dos Tecidos

O toque dos tecidos 100% algodão, são bem macios, gostosos. Eu particularmente, não gosto muito do toque dos tecidos com poliéster. Acho áspero, não acho agradável, como a microfibra, por exemplo. Os de algodão dão um ar mais orgânico, natural na peça.

Para compor as peças, não é necessário uma grande quantidade de tecido, mas é necessário uma grande variedade de estampas. No meu caso, gosto muito de trabalhar com muita estampa e muita cor! Então, o que não falta aqui no Ateliê é tecido estampado, muita estampa! Por onde eu passo e vejo um tecido com uma estampa que me chama a atenção, eu compro!

Confesso que tenho alguns tricolines japoneses, com estampas maravilhosas, que morro de dó de usar! É verdade, me apego aos tecidos! São tão lindos e coloridos, que dá dó de cortar! Mas eles já estão na fila de espera para a próxima coleção maravilhosa que está por vir! Me aguardem!

Quando o projeto é muito detalhado, geralmente gasto 3 dias apenas para cortar os tecidos! Como requer muita precisão, como já disse anteriormente, tem todo um processo na hora de cortar os tecidos. É preciso passar bem o tecido antes de cortar, dobrar da maneira correta, refilar, cortar em faixas e depois cortar as formas geométricas. Cada forma geométrica tem uma maneira de ser cortada, um tipo de régua a ser utilizada. Ou seja, é um processo trabalhoso mas recompensador!

Na hora de unir todas essas formas e ver o trabalho pronto, dá aquela sensação de dever cumprido, felicidade e muito amor! Também me apego às peças prontas! Fico namorando e admirando o quanto o patchwork é uma técnica incrível!

Este é um projeto quase pronto! Está em processo de quilting! É muito amô!

———————————————————————-

Conheça mais meu trabalho!

Loja virtual Fashion Craft Ateliê

♥ Instagram – @fashioncraftatelie

Fan Page Fashion Craft Ateliê